sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Educadores e seus desafios na inclusão

Nesta etapa de vida a criança como o educador e família necessitam de formas de ensino e aprendizado para levar uma educação de qualidade e desenvolver suas habilidades em prol da inclusão neste presente século vemos que a união faz a força escolas e educadores e voluntários voltados para incluir o ser humano na sociedade unem-se para que seu trabalho possa ser feito com profissionalismo e além de tudo amor ,gestão voltada a melhoria continua do serviço aplicado e estudos voltados a cada caso tem melhorado em muito a situação dos profissionais nesta área um belo exemplo e a experiência de Roberta Martins Braz Villaça, da EMEB Helena Zanfelici da Silva, em São Bernardo do Campo leia está matéria e fique por dentro da educação inclusiva.

http://revistaescola.abril.com.br/gestao-escolar/inclusao-7-professoras-mostram-como-enfrentam-esse-desafio-639054.shtml

Otimo exemplo de cidadania e amor a profissão.

A também um destaque para :
Pós-Graduação: Especialização em Educação Especial está com inscrições abertas

http://www.unipar.br/noticias/2012/02/03/pos-graduacao-especializacao-em-educacao-especial-esta-com-inscricoes-abertas/

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Repassar o que e bom faça sua parte!

Hoje encontrei uma pagina interessante pois possibilita o estudo e a abordagem do contexto Inclusão pois a ainda muito que se aprender e o que se fazer sei que nesta semana o paiz estará ligado a outros problemas nada contra mas são gastos desnecessarios ao meu ver bom cada um com a sua opinião vou passar uma noticia aqui não me importo com vão dizer pois e do interesse publico e não estou nem ai com criticas
Um desenho feito com uma só cor tem muito valor e significado, mas não há como negar que a introdução de matizes e tonalidades amplia o conteúdo e a riqueza visual. Foi a favor da diversidade e pensando no direito de todos de aprender que a Lei nº 7.853 (que obriga todas as escolas a aceitar matrículas de alunos com deficiência e transforma em crime a recusa a esse direito) foi aprovada em 1989 e regulamentada em 1999. Graças a isso, o número de crianças e jovens com deficiência nas salas de aula regulares não para de crescer: em 2001, eram 81 mil; em 2002, 110 mil; e 2009, mais de 386 mil - aí incluídas as deficiências, o Transtorno Global do Desenvolvimento e as altas habilidades.

Hoje, boa parte das escolas tem estudantes assim. Mas você tem certeza de que oferece um atendimento adequado e promove o desenvolvimento deles? Muitos gestores ainda não sabem como atender às demandas específicas e, apesar de acolher essas crianças e jovens, ainda têm dúvidas em relação à eficácia da inclusão, ao trabalho de convencimento dos pais (de alunos com e sem deficiência) e da equipe, à adaptação do espaço e dos materiais pedagógicos e aos procedimentos administrativos necessários.

Para quebrar antigos paradigmas e incluir de verdade, todo diretor tem um papel central. Afinal, é da gestão escolar que partem as decisões sobre a formação dos professores, as mudanças estruturais e as relações com a comunidade. Nesta reportagem, você encontra respostas para as 24 dúvidas mais importantes sobre a inclusão, divididas em seis blocos.

Gestão administrativa

1. Como ter certeza de que um aluno com deficiência está apto a frequentar a escola?
Aos olhos da lei, essa questão não existe - todos têm esse direito. Só em alguns casos é necessária uma autorização dos profissionais de saúde que atendem essa criança. É dever do estado oferecer ainda uma pessoa para ajudar a cuidar desse aluno e todos os equipamentos específicos necessários. "Cabe ao gestor oferecer as condições adequadas conforme a realidade de sua escola", explica Daniela Alonso, psicopedagoga especializada em inclusão e selecionadora do Prêmio Victor Civita - Educador Nota 10.

2. As turmas que têm alunos com deficiência devem ser menores?
Sim, pois grupos pequenos (com ou sem alunos de inclusão) favorecem a aprendizagem. Em classes numerosas, os professores encontram mais dificuldade para flexibilizar as atividades e perceber as necessidades e habilidades de cada um.

3. Quantos alunos com deficiência podem ser colocados na mesma sala?
Não há uma regra em relação a isso, mas em geral existem dois ou, em alguns casos, três por sala. Vale lembrar que a proporção de pessoas com deficiência é de 8 a 10% do total da população.

4. Para torna a escola inclusiva, o que compete às diversas esferas de governo?
"O governo federal presta assistência técnica e financeira aos estados, ao Distrito Federal e aos municípios para o acesso dos alunos e a formação de professores", explica Claudia Pereira Dutra, secretária de Educação Especial do Ministério da Educação (MEC). Os gestores estaduais e municipais organizam sistemas de ensino voltados à diversidade, firmam e fiscalizam parcerias com instituições especializadas e administram os recursos que vêm do governo federal.
Continue lendo a reportagem

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

A porta!

Na verdade temos o direito de reorganizar a vida, mas são tantos os rumos que acabamos por permanecer inertes aos pensamentos gostaria de traduzir isso, mas vá lá tomar atitudes certas nas horas certas já e coisa difícil imagine nas horas erradas não que eu sempre seja um impulsivo, mas em determinadas ocasiões a melhor coisa e sentar e observar o que acontece em sua volta. Aprecie o tempo de ordem nas coisas, mas nunca espere demais para ser feliz seja feliz hoje fazendo o que e certo mesmo que para os outros seja errado ninguém e igual em nenhuma circunstância só o contexto pode ser igual, mas as avaliações podem sempre ser diferentes, pois a causa pode ser indefinida, mas basta escolher qual o lado certo, E difícil não? No mudo de hoje tudo viaja a velocidade da luz pensamentos, ações, reações, mas a uma coisa que parece nunca passar a intensidade de querer viver amo minha vida já disse isso um milhão de vezes diga você também a melhor atitude e valorizar os sentimentos realizar atos que mostrem sem cortinas quem realmente você e vale muito a pena ser eu do que querer ser outro apesar das quedas da poeira no rosto da dor nos joelhos ainda lhe restam dignidade e caráter seu valor está em você mesmo não procure por ai abra seu coração deixe a vida entrar pois está porta nunca deve ser fechada !

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

O vôo da vida!

Buscar na vida a alegria de poder ser diferente a cada manhã.
Faça com que sua busca comece no coração e termine em suas mãos.
Mãos estendidas para ajudar o próximo.
Faça sua parte.
Cumpra seu destino
Mas o faça com alegria!







Trabalhar com a cultura e educação e emprego
http://www.euvocetodospelaeducacao.org.br/



Folheando a vida !

 
 
Paginas que esperam letras pensamentos que possam trazer a tona sentimentos frases que me tirem da tranqüilidade e levem a uma onda de incertezas ao ousado ao incerto da paz a guerra, do silencio ao extremo grito da alma da superficialidade da pele ao profundo do coração do caminhar compassado ao descompasso do passo chato e fazer aquilo que deve ser feito melhor e fazer aquilo que me transforma aquilo que preenche aquilo que mesmo saindo da mesmice da vida do equilíbrio do casual do que sempre esperamos de mim ou de alguém do que sempre dizemos palavras certinhas. Rebeldia não, mas viver ser feliz no improviso não ter medo da insensatez e o desequilíbrio do desconhecido ser eu ser o eu de novo e depois ser o eu normal!
O condicionamento nos torna superficiais estou lendo um livro de Guilherme Azevedo um livro recheado de entrevistas já nas primeiras paginas me apaixonei pelo enredo... Alex Periscinoto discorre exatamente assim "Se em dês coisas,eu acertar cinco,sou medíocre.Mas se em dez eu acertar seis,me ajuda a acertar as outras quatro e nós vamos fazer um negócio bom juntos" a vida e assim quando se acha que se sabe tudo e ai que não se sabe nada .Talvez demore mas ainda a tempo de aprender sempre mais um pouco

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Amar o proximo é a ?



A essência da vida

Sabe por que !


Ame sua vida nunca desista de seus sonhos!
Lute ante aos pesadelos!
Persista na batalha!
Nunca olhe para tras!
Caminhe sempre em frente!
Sejá vitorioso na derrota!
E sempre estenda sua mão!




Boa noite!!!




quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Diferênças

“Há uns que nos falam e não ouvimos;
há uns que nos tocam e não sentimos;
há aqueles que nos ferem e
nem cicatrizes deixam, mas...
há aqueles que simplesmente
vivem e nos marcam por toda vida.”



Nunca seremos iguais enquanto houver diferênças!


O fim da bolsa sindicato.

O Imposto sindical criado para sustentar a pelegada foi contestada por uma ADI. A confederação nacional das carreiras tipicas do estado di...