Brasil seu futuro se chama Ética e responsabilidade social .

Os vazamentos de petróleo produzem um fenômeno conhecido como "maré negra", quando uma película do produto, com densidade diferente da água, forma-se na superfície do mar. Seu efeito já é letal para as espécies que integram o ecossistema marinho, mas os prejuízos aumentam quando a poluição chega à costa.Uma fonte do setor petroleiro que teve acesso à notificação do acidente para a Agência Nacional do Petróleo (ANP) garantiu que o volume vazado foi pequeno. A falha geológica estaria a 150 metros do poço injetor que estava sendo perfurado. Não houve paralizãção na produção, iniciada em 2009. A Petrobras tem uma fatia de 30% no campo, enquanto o consórcio Frade Japão Petróleo Ltda detém os 18,3% restantes. A ANP irá investigar o acidente. Bom gostaria de salientar que baseado em noticias e fatores que são apresentados por instituições falam em um agravamento no ecossistema e também com consequências a curto médio e longo prazo pois não devemos nos basear nesse tipo de combustível para as próximas décadas o Brasil e auto sustentável oque não e soa suas politicas baseadas em ganhos pois os interesses económicos falam mais altos mais abaixo um estudo sobre o Biodiesel e suas consequências  o que me preocupa e a capacidade que o ser humano tem de criar fontes renováveis mas com esta politica económica a um desacordo com os valores e ética pois somos forçados a comprar automóveis movidos a combustíveis de origem fóssil os quais trazem grandes danos a natureza e consequentemente a nos mesmos  .
Um estudo da  nos da uma visão mais ampla do que ser sustentável veja aqui ou acesse o site http://www.wwf.org.br la você encontrara muitas noticias
Desenvolvimento Sustentável.
A definição mais aceita para desenvolvimento sustentável é o desenvolvimento capaz de suprir as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade de atender as necessidades das futuras gerações. É o desenvolvimento que não esgota os recursos para o futuro.
Essa definição surgiu na Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, criada pelas Nações Unidas para discutir e propor meios de harmonizar dois objetivos: o desenvolvimento económico e a conservação ambiental. 
O que é preciso fazer para alcançar desenvolvimento sustentável.
Para ser alcançado, o desenvolvimento sustentável depende de planejamento e do reconhecimento de que os recursos naturais são finitos.

Esse conceito representou uma nova forma de desenvolvimento económico, que leva em conta o meio ambiente.

Muitas vezes, desenvolvimento é confundido com crescimento económico, que depende do consumo crescente de energia e recursos naturais. Esse tipo de desenvolvimento tende a ser insustentável, pois leva ao esgotamento dos recursos naturais dos quais a humanidade depende.

Atividades económicas podem ser encorajadas em detrimento da base de recursos naturais dos países. Desses recursos depende não só a existência humana e a diversidade biológica, como o próprio crescimento económico.

O desenvolvimento sustentável sugere, de fato, qualidade em vez de quantidade, com a redução do uso de matérias-primas e produtos e o aumento da reutilização e da reciclagem.

Os modelos de desenvolvimento dos países industrializados devem ser seguidos?

O desenvolvimento económico é vital para os países mais pobres, mas o caminho a seguir não pode ser o mesmo adotado pelos países industrializados. Mesmo porque não seria possível.

Caso as sociedades do Hemisfério Sul copiassem os padrões das sociedades do Norte, a quantidade de combustíveis fósseis consumida atualmente aumentaria 10 vezes e a de recursos minerais, 200 vezes.

Ao invés de aumentar os níveis de consumo dos países em desenvolvimento, é preciso reduzir os níveis observados nos países industrializados.

Os crescimentos económico e populacional das últimas décadas têm sido marcados por disparidades.

Embora os países do Hemisfério Norte possuam apenas um quinto da população do planeta, eles detêm quatro quintos dos rendimentos mundiais e consomem 70% da energia, 75% dos metais e 85% da produção de madeira mundial.

Postagens mais visitadas